segunda-feira, 7 de julho de 2008

João César das Neves... alguém lhe dá com uma pá na cabeça?

Há coisas que me deixam perplexo e uma delas é o João César das Neves continuar a ser colunista de opinião do Diário de Notícias. A única explicação possível é a teoria do circo de horrores, ou seja, observar a capacidade inesgotável de um palerma com formação superior dizer as coisas mais abestalhadas, fascistas, misóginas, homofóbicas e retrógadas (só ainda não lhe apanhei imbecilidades racistas, mas deve ter sido porque não comprei jornal nesse dia).

A última do senhor é devemos ser todos uns comunistas soviéticos por permitir a despenalização do aborto e que uma sociedade socialista só se pode dirigir para o caos (alguém lhe diz que o nosso governo só é socialista de nome?), mesmo assim não é tão mau como quando disse sobre o abuso sexual de menores «Imagine que quem tinha abusado dos rapazinhos eram mulheres. Não é evidente que os rapazinhos teriam até orgulho, no facto?»
.
Que mais posso dizer, para lá de... ó senhor, vá para casa fazer um clister que os seus intestinos estão tão cheios que a merda já lhe chegou às ideias há muito tempo.

2 comentários:

Jerónimooooooooo disse...

clister? agora percebo porque é que o Sr. na fotografia está com o dedo assim... só lhe falta dar meia volta...

provocação disse...

João havias de cair na panela
como o ratinho da carochinha
C/ uma poia dava-te na cara uma esfregadela
E fazia-te chupá-la por uma palhinha

Do nome César não tens nada
Pois em factos não és grandioso,
Homens como tu só à pazada
Seu verme bexigoso.

Das Neves era o abominavel homem figura mítica que tantos assustou
Palhaços como tu não merecem o q comem
São lapsos que a Natureza enganou.


"desculpem lá a falta de métrica mas as obras perfeitas fazem-se para quem merece e não para qualquer um"